Show Less
Restricted access

Collecçam dos Papeis Anonymos

Editada por Hans Fernández e Pascal Striedner

Series:

Bento Morganti

Edited By Hans Fernández and Pascal Striedner

A Collecçam dos Papeis Anonymos constitui o primeiro texto do gênero spectator aparecido na península ibérica. Atribuída ao religioso Bento Morganti, a obra circulou na cidade de Lisboa — num contexto marcado pela Censura e Inquisição — em forma de folhas volantes entre os anos de 1752 e 1754. Ao longo de quatro coleções e 44 números, sua instância narrativa reflete com base em um pensamento próprio do Iluminismo sobre a necessidade de transformar a sociedade portuguesa, especialmente por meio da educação, com a finalidade de levá-la ao nível das mais avançadas da Europa.

A presente edição diplomática dá a conhecer o «Manuscrito de Coimbra» e tenta contribuir para a pesquisa dos spectators em Portugal.

Show Summary Details
Restricted access

Sobre os Dentes.

Extract



NAM sei se os Leitores acham toda a sua satisfaçam nestes pequenos discursos, porque naõ saõ dos que fazem rir o vulgo ignorante, e que perpetuamente se quer achar sepultado em hum detestavel idiotismo; mas como eu naõ tomo este trabalho só para os divertir a elles, mas tambem por me devertir a [3] mim mesmo, escrevo o que encontro de meu gosto, sempre com o cuidado de ser couza util, e que possa servir de alguma instrucçam para o commum, que he o de que ha muita falta na Naçam Portugueza, e goste disto que offereço quem quizer, que pelo consumo que estes papeis tem, naõ tenho demaziada obrigaçam de lhe fazer o gosto, contrafazendo o meu genio, em escrever couzas insipidas, e frias, contrarias ao bem senso com que se deve trabalhar para utilidade do publico. Eu naõ respeito tanto a conveniencia propria, como a instrucçam alhea, e a mayor utilidade que pertendo receber, deste trabalho, he a consideraçaõ de poder ser util, e com isto fico muito bem satisfeito: e se naõ pertendo agradecimentos, tambem naõ espero vituperios.

Ainda que Aristoteles, e Galeno formassem consideraçoens admiraveis sobre as obras da natureza; a quem ordinariamente tratam com o nome de Divina, principalmente a respeito dos animaes, quando contemplaram Anatomicamente a construcçam de seus membros; naõ deixou o ultimo de confessar, que muito mayor admiraçam deve cauzar a fabrica de todas as partes do corpo...

You are not authenticated to view the full text of this chapter or article.

This site requires a subscription or purchase to access the full text of books or journals.

Do you have any questions? Contact us.

Or login to access all content.