Show Less
Restricted access

Nos passos de Aquilino

Series:

Edited By Maria Joao Reynaud, Francisco Topa and John Thomas Greenfield

A edição de Nos passos de Aquilino encerra um ciclo de homenagens a Aquilino Ribeiro (1885–1963), o Autor de A Casa Grande de Romarigães. Assinados por reconhecidos especialistas e investigadores de mérito, provenientes de diversos pontos do país e de França, os estudos aqui compilados procuram contrariar a tendência relativamente recente para o esquecimento de uma obra que alimentou o imaginário de sucessivas gerações de leitores e que constitui, hoje como ontem, um impressionante repositório da nossa língua viva. Embora muitas facetas do trabalho de Aquilino tenham ficado por debater, os passos aqui dados na peugada deste Mestre ficarão como um contributo digno para a celebração do cinquentenário da sua morte.
Show Summary Details
Restricted access

José Carlos Seabra Pereira - “Subir à árvore da vida”: a poética vitalista de Aquilino

Extract

| 9 →

José Carlos Seabra Pereira

U. Coimbra / CIEC

“Subir à árvore da vida”: a poética vitalista de Aquilino

Resumo: O presente ensaio procura avaliar «o legado de modernidade que a obra de Aquilino Ribeiro fecundamente gerou». Considerando «a primazia da Vida» como o traço diferencial da estética aquiliniana, o Autor percorre os seus romances mais importantes, procurando dilucidar «os aspetos temático-formais em que se plasma […] uma poética vitalista tecida de intuicionismo e voluntarismo pícaros ou cultivados», a qual traduz, de modo «saborosamente sensível uma visão irónica da condição humana».

Abstract: This article attempts to evaluate the legacy of modernity which Aquilino’s work has generated. Considering that the ‘primacy of life’ is the characteristic difference in Aquilino’s aesthetics, the author reviews the most important novels and endeavours to highlight the thematic-formal aspects which fashion a ‘poetics of vitalism made up of cunning or cultivated intuitionalism and voluntarism’ and which is translated, in a tastefully sensitive way, into an ironic vision of the human condition.

1. Polígrafo invulgar e excelente realizador de uma poética vitalista nos géneros e subgéneros de estreme ficção narrativa (romances, novelas e contos de índole vária), bem como em textos de hibridismo genológico, Aquilino Ribeiro desde cedo foi alvo de uma fortuna crítica que importa hoje rever, a par de uma releitura da sua obra em nova perspetiva...

You are not authenticated to view the full text of this chapter or article.

This site requires a subscription or purchase to access the full text of books or journals.

Do you have any questions? Contact us.

Or login to access all content.