Show Less
Restricted access

Nos passos de Aquilino

Series:

Edited By Maria Joao Reynaud, Francisco Topa and John Thomas Greenfield

A edição de Nos passos de Aquilino encerra um ciclo de homenagens a Aquilino Ribeiro (1885–1963), o Autor de A Casa Grande de Romarigães. Assinados por reconhecidos especialistas e investigadores de mérito, provenientes de diversos pontos do país e de França, os estudos aqui compilados procuram contrariar a tendência relativamente recente para o esquecimento de uma obra que alimentou o imaginário de sucessivas gerações de leitores e que constitui, hoje como ontem, um impressionante repositório da nossa língua viva. Embora muitas facetas do trabalho de Aquilino tenham ficado por debater, os passos aqui dados na peugada deste Mestre ficarão como um contributo digno para a celebração do cinquentenário da sua morte.
Show Summary Details
Restricted access

Clara Barros - Aspetos linguísticos da feição regionalista em Aquilino Ribeiro

Extract

| 233 →

Clara Barros

U. Porto / CLUP

Aspetos linguísticos da feição regionalista em Aquilino Ribeiro

Resumo: O artigo estuda as especificidades linguísticas da obra de Aquilino, detendo-se em particular no romance A Casa Grande de Romarigães. Defendendo que uma parte importante da ‘faceta’ regionalista habitualmente apontada pela crítica decorre da própria construção discursiva, a autora aborda dois dos seus aspetos linguísticos mais importantes: a escolha lexical e as estruturas comparativas enfáticas.

Abstract: The article studies the linguistic specificities of Aquilino’s work, concentrating in particular on the novel A Casa Grande de Romarigães. In arguing that an important part of the regionalist facet often noted by critics derives from the discursive construction itself, the author analyses two of the most important linguistic aspects: the lexical choice and the emphatic comparative structures.

O objetivo deste estudo é detetar especificidades linguísticas que estão envolvidas nas dimensões de uma ‘faceta’ regionalista referida como integrante do estilo de Aquilino Ribeiro por diversos críticos da sua obra. Óscar Lopes sublinha a relação estreita que se observa nos romances de Aquilino entre o ambiente em que decorre a ação e a linguagem utilizada:

a matéria predilecta das obras de ficção vem dos ambientes da sua Beira Alta natal, e Aquilino Ribeiro, servido por uma facúndia lexicológica e frásica que é a mais abundante de...

You are not authenticated to view the full text of this chapter or article.

This site requires a subscription or purchase to access the full text of books or journals.

Do you have any questions? Contact us.

Or login to access all content.