Show Less
Restricted access

Nos passos de Aquilino

Series:

Edited By Maria Joao Reynaud, Francisco Topa and John Thomas Greenfield

A edição de Nos passos de Aquilino encerra um ciclo de homenagens a Aquilino Ribeiro (1885–1963), o Autor de A Casa Grande de Romarigães. Assinados por reconhecidos especialistas e investigadores de mérito, provenientes de diversos pontos do país e de França, os estudos aqui compilados procuram contrariar a tendência relativamente recente para o esquecimento de uma obra que alimentou o imaginário de sucessivas gerações de leitores e que constitui, hoje como ontem, um impressionante repositório da nossa língua viva. Embora muitas facetas do trabalho de Aquilino tenham ficado por debater, os passos aqui dados na peugada deste Mestre ficarão como um contributo digno para a celebração do cinquentenário da sua morte.
Show Summary Details
Restricted access

Carlos Reis - O universo ficcional de Aquilino Ribeiro: dispositivos de figuração

Extract

| 43 →

Carlos Reis

U. Coimbra / CLP

O universo ficcional de Aquilino Ribeiro: dispositivos de figuração

Resumo: Passando em revista o modo como a crítica foi lendo a obra de Aquilino ­Ribeiro, o ensaio propõe uma caracterização do universo ficcional do A. assente nas seguintes dominantes: a epifania dos sentidos, as projeções autobiográficas, a pulsão regional, a identidade estilística e a linguagem, entendida em sentido amplo.

Abstract: By reviewing the way in which critics have interpreted Aquilino Ribeiro’s work, the article proposes to characterize Aquilino’s fictional universe within the following dominant coordinates: epiphany of the senses, autobiographical projections, regional impetus, stylistic identity and language, understood in a wide sense.

1. A expressão universo ficcional que me serve de foco de referência para o que se segue envolve, como fatores para a sua estruturação conceptual, várias subnoções: a noção convencional de universo diegético, remetendo para uma produção narrativa e literária muito vasta e distribuída por diversos géneros (romance, conto, novela); a noção correlata de mundo possível ficcional, entendida como resultado de uma relação de modelização (ou construção de um modelo do mundo) processada em interação com um cenário histórico, com um trajeto pessoal e com uma vida cultural e política em que o escritor ocupou um lugar destacado. O trânsito...

You are not authenticated to view the full text of this chapter or article.

This site requires a subscription or purchase to access the full text of books or journals.

Do you have any questions? Contact us.

Or login to access all content.